Publicado em

Qual a diferença entre impressora fiscal e impressora-não fiscal térmica

impressora_fiscal_e_impressora_nao_fiscal_termicaMuitos empresários que passam a ganhar uma determinada quantia com sua empresa, ou então dependendo dos produtos que manufatura e vende, sabem da burocracia fiscal que é o Brasil. Dependendo o valor adquirido, a empresa deve prestar contas com aparelhos específicos homologados pelo governo. Um desses tramites é a obrigação da impressora fiscal. No entanto, quando o empresário pensa em adquirir determinado equipamento, ele se depara com dois tipos de produtos nos sites de lojas: impressora Fiscal e impressora não-fiscal térmica.

Mas então qual é a diferença entre uma impressora Fiscal e impressora não-fiscal térmica?

Impressora Fiscal Térmica

A impressora fiscal é utilizada para as empresas emitirem em suas vendas o cupom fiscal para seus clientes, assim provando o valor da venda do seu produto\serviço de modo a declarar sua renda ao governo. A impressora fiscal realiza as seguintes tarefas:

  • Fechamentos de caixa (a famosa Redução Z),
  • Relatório de Vendas (chamada de Redução X),
  • Gravam os dados de vendas e cancelamentos,
  • Essas informações todas ficam gravadas no MFD (Memória Fita Detalhe), onde ficam salvos todos estes dados.
  • As Impressoras Fiscais Térmicas são fechadas com um lacre físico, para evitar que ocorram ruptura e alterações no equipamento a fim de evitar fraudes. Estes equipamentos são adquiridos e instalados por empresas credenciadas pelo governo e instaladas por profissionais capacitados.

Impressora Não Fiscal Térmica

Já a impressora não fiscal térmica é utilizada para emitir cupons, porém elas não tem o valor de um comprovante fiscal. Sua principal funcionalidade é imprimir uma espécie de recibos, que são mais difíceis de serem falsificados, já que são impressos como nos papéis amarelos, da mesma maneira como a Impressora Fiscal Térmica. É mais um comprovante de venda para a empresa assim como um comprovante de compra para o consumidor.

 

Quando minha empresa deve utilizar uma impressora Fiscal e impressora não-fiscal térmica?

 

Deve-se utilizar uma impressora fiscal térmica quando sua empresa:

  • Tiver um faturamento de R$120,000.00 ou superior por ano,
  • Que utilizam cartões magnéticos pré ou pós pagos,
  • Que utilizam balança eletrônica calculadora,
  • Que utilizam equipamentos de automação com o objetivo de registrar transações comerciais.

Os usos da impressora não fiscal térmica atendem as seguintes necessidades:

 

  • Empresas que utilizam o sistema de senhas para filas (bancos, hospitais, etc…) que precisam cuidar para que as senhas não sejam alteradas,
  • Ticket de estacionamentos com comprovantes para ambos os lados provando que o carro entrou ou saiu da garagem,
  • Entre outros usos que podem facilitar muito a vida dos empreendedores e evitar fraudes por pessoas má intencionadas.
  • As empresas que vendem impressoras emissoras de cupons, sejam elas fiscais ou não fiscais, oferecem outros produtos que trabalham junto deste equipamento que podem agilizar o processo da empresa e vender mais, como monitores touch para o sistema e leitores de código de barras.

Fonte: Data Plus

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *