Publicado em

Bobinas de papel: cuidados e utilidades

bombinas de papel

As bobinas de papel são aliadas de muitos profissionais, e as áreas podem variar muito. Sendo possível encontra as bobinas de papel do escritório à construção civil. Apresentando muitas diversidade de utilização e isso acontece graças a sua usa praticidade, durabilidade e sua qualidade. Normalmente as bobinas de papel são produzidas em papel tipo Kraft, apresentando nível alto de resistência. Graças a isso ela pode ser usada como forma de proteção para objetos, também podem cumprir função isolante, estabilizando objetos e os protegendo da umidade.
Quando se fala de bobinas de papel é comum pensar logo em escritório, com toda a certeza, pois é facilmente encontrada em escritórios. Podem servir como protetores de objetos que necessitam de cuidado específico. Podem ser usadas em caso de pintura, para proteger chão ou objetos das indesejáveis gotas de tinta.

Bobinas de papel: venda

Assim como é facilmente encontrada nos escritórios, nas lojas que vendem material para esse tipo se beneficiam muito o com as bobinas de papel. Seus consumidores utilizam muito e a venda pode ser feita por metro.

Cuidados com as bobinas de papel

No transporte e armazenamento, deve ser tomado alguns cuidados para evitar o amassamento do tubete e algumas outras deformidades no corpo e na extremidade, umedecimento e ressecamento, podendo ficar também enrugado. Esses problemas devem ser evitados para que não aconteçam paradas de produção (gráfica) das máquinas.
O armazenamento deve ser feito no sentido vertical, as bobinas não podem quicar ou serem arrastadas pelo chão. O ambiente deve ter piso limpo e sem irregularidades, pois pode causar avarias no corpo da bombina.
Com uma grau de simplicidade pode-se evitar grandes gastos desnecessários. Com alguns cuidados é possível ter melhoria nessa produção.

Bobinas de papel: recicle

O consumo de papel no mundo é grande, com muita necessidade das empresas. Mas, um diferencial é que cada pessoa pode fazer a sua parte na coleta seletiva e jogar a bombina de papel no lixo reciclável. Assim, podendo dar origem a um novo produto.

Publicado em

A importância do lazer na produtividade dos funcionários

Salas de jogos são ambientes cada vez mais comuns nas empresas. Imagem: Diosan Borrego

Salas de jogos são ambientes cada vez mais comuns nas empresas. Imagem: Diosan Borrego

Nesse mundo cada vez mais acelerado, tem sido vital para os funcionários mostrar produtividade em seu dia a dia. Frases como ‘tempo é dinheiro’ somente nos mostram o quanto somos impulsionados a fazer mais e melhor em menos tempo. Seguindo essa lógica, muitas empresas promovem o trabalho intenso de seus funcionários de maneira que eles fiquem cada vez mais cheios de tarefas. Porém, ao invés de gerar mais lucro e produtividade, esse processo faz com que os funcionários se sintam esgotados e estressados, causando o efeito inverso.

De olho nisso, algumas empresas notaram a ligação que há entre momentos de lazer e um melhor rendimento de seus funcionários. Pode ser difícil imaginar que pausas para jogar sinuca ou videogame, sejam permitidas no ambiente de trabalho, mas é sobre isso que vamos falar hoje.

Sabe quando você está num momento muito tenso, sobrecarregado de trabalho e bate aquela vontade de ir para casa, só para relaxar e esquecer o estresse? O espaço de lazer proporciona aos funcionários essa exata sensação de repouso. Esses locais são áreas aconchegantes, com lugar para descanso e jogos, onde os funcionários podem ir nos horários de almoço e intervalos, para refrescar um pouco a mente. Segundo especialistas ambientes assim ajudam no alívio da mente e na saúde, pois depois de um momento de descanso e distração, nos tornamos muito mais dispostos a voltar às nossas atividades e produzir melhor. Momentos como esse, fazem passar aquela famosa sensação de ‘travar’ e não conseguir produzir mais nada, ajudando os funcionários a voltar ao trabalho com toda a energia.

Aqui no Brasil, as escolhas mais comuns são salas de descanso com pufes e sofás ou salões de jogos com direito a sinuca, mesa de pôquer e videogames. Fora do Brasil, essa prática é bem mais comum, principalmente em empresas de tecnologia. Buscando o bem estar de seus funcionários, os gringos trazem salas decoradas para meditação, academias, salas de música e lanches a disposição dos funcionários, sem que eles precisem pagar nada por isso.